Navios alemães no Porto de Luanda
Os governos de Angola e da Alemanha reafirmaram dia 20 de Fevereiro, em Luanda, a intenção de coordenarem estratégias de combate à pirataria marítima no Golfo da Guiné para ajudarem a estabelecer um clima de paz e segurança nesta região de África.

O assunto foi avaliado durante o encontro que o ministro da Defesa Nacional, João Lourenço, teve nesse mesmo dia com o embaixador da Alemanha em Angola, Rainer Muller, na sede do Ministério da Defesa Nacional.
Em declarações à imprensa, no final do encontro, de cerca de uma hora, o embaixador alemão anunciou que, no âmbito do plano comum de combate à pirataria na região do Golfo da Guiné, atracam este sábado, dia 21, no Porto de Luanda, três navios da Marinha alemã.
 
A estadia dos navios, até 24 de Fevereiro, em Luanda, vai ser  aproveitada pelo efectivo da Marinhade Guerra de Angola para trocar experiências. Rainer Muller indicou que a vinda a Angola dos três navios é o primeiro passo para o fortalecimento da cooperação entre as duas marinhas e sublinhou a  importância que os dois Estados atribuem à manutenção da segurança marítima na região do Golfo da Guiné.
“Angola é um país banhado pelo Atlântico, enquanto a Alemanha exporta quase metade da sua produção nacional através deste oceano”, sublinhou o embaixador, acrescentando que este é um dos principais motivos que  leva os dois países a primarem pelo reforço da cooperação militar como forma de garantir a segurança das vias marítimas no Oceano Atlântico.   O embaixador alemão salientou ainda que a vinda dos navios foi decidida durante a visita do ministro da Defesa Nacional, João Lourenço, à Alemanha, em Novembro do ano passado, altura em que o comando da Marinha daquele país europeu prometeu fortalecer a cooperação com a sua congénere angolana.
“Angola é um parceiro importante, influente e poderoso. Por isso, estamos orgulhosos em iniciar a cooperação bilateral no domínio da defesa”, disse o embaixador, que reafirmou a disponibilidade da Alemanha para cooperar com Angola e promover a paz e a segurança ao longo da região marítima do Atlântico.

Adidos recebem informações

Os adidos militares estrangeiros colocados em Angola receberam dia 20, em Luanda, informações sobre a organização e funcionamento da Inspecção Geral da Defesa Nacional, durante uma palestra organizada pela direcção de relações internacionais do Ministério da Defesa.  O coronel Francisco Longa, orador na palestra, disse que o Ministério da Defesa Nacional precisa de passar a mensagem de que as FAA estão organizadas e a gestão da coisa pública tem um interesse do Estado. “O objectivo foi exactamente informar ao vasto auditório internacional representado pela chefia militar de vários países que a gestão em Angola é feita com rigor pautada por lei e normas”, expressou.

A Inspecção Geral de Defesa Nacional é um órgão encarregado de auxiliar o ministro da Defesa Nacional nas questões relativas ao controlo e fiscalização dos recursos humanos, materiais e financeiros postos à disposição pelo Estado para as Forças Armadas Angolanas (FAA).

O coronel Francisco Longa lembrou que o inspector não é um polícia, mas aquele que coopera para a correcta gestão dos recursos públicos. “Primamos por uma acção pedagógica”, disse, para acrescentar que a Inspecção Geral faz o levantamentodo risco, propõe determinada inspecção e constata se estão a ser cumpridas ou não as normas, directivas e ordens. O prelector realçou que o interesse das autoridades angolanas é que os adidos militares, como representantes oficiais dos ministros da Defesa dos seus países, formulem, promovam e façam as propostas para a cooperação.

O adido militar da Federação Russa em Angola, coronel Nicolay Rulchuk, salientou que o tema foi do interesse dos diplomatas. “Nalgumas forças armadas, as funções de Inspector Geral de Defesa são partilhadas por departamentos diferentes, mas o princípio é igual para todos, porque desempenha um papel importante no asseguramento do funcionamento normal das forças armadas”, afirmou Rulchuk.

fonte

 



Data: 2015-02-22

EPL NET

Newsletter

Código de Ética

Logo do PDF

Breves

  • Crianças migrantes detidas em condições "cruéis e ilegais"

    Amnistia Internacional denuncia situação existente num centro em Homestead (Florida) e exige o encerramento das instalações
    Ler mais...
  • PR rende homenagem aos reis do antigo Reino do Congo

    O Presidente da República, João Lourenço, homenageou hoje, na cidade Mbanza Kongo, província do Zaire, os reis do antigo Reino do Congo, considerando que a ocasião se traduz "no respeito pela cultura e tradição africana"
    Ler mais...
  • Bancos têm liquidez para movimentar contas em divisas

    O governador do Banco Nacional de Angola (BNA) considerou ontem que os bancos comerciais têm liquidez em moeda estrangeira suficiente para cumprir os prazos e outros parâmetros previstos nas normas que, na sexta-feira, autorizaram a movimentação de contas em divisas
    Ler mais...
  • 22 pedonais em Viana estão degradadas

    Ao todo, 22 das 54 pedonais instaladas no município de Viana, província de Luanda, vão ser reparadas devido ao estado avançado de degradação, anunciou, na quarta-feira, o director municipal dos Transportes, Tráfego e Mobilidade
    Ler mais...
  • Nova versão do Afrobasket é disputada a partir de amanhã

    Doze selecções seniores masculinas de basquetebol disputam, de amanhã até 27 do corrente, na cidade de Bamako, capital do Mali, a primeira edição do Afrocan, Campeonato Africano das Nações, prova que substitui o célebre Afrobasket, competição com mais de 30 anos de história
    Ler mais...
  • Petro chega às meias-finais com os melhores registos

    Com 175 golos marcados, uma média de 35 por partida, e 76 sofridos, 15,2, o Petro de Luanda tem à entrada das meias-finais, o melhor ataque e defesa da 41ª edição do Campeonato Nacional sénior feminino de andebol, que se disputa até domingo, no Pavilhão Principal da Cidadela
    Ler mais...
  • DSTV, ZAP e TV CABO aumentam novamente preços

    As operadoras de distribuição de televisão por assinatura DSTV-Multichoice, TV Cabo e ZAP vão aumentar em breve em 13 por cento o preço dos seus serviços, soube a ANGOP de fonte autorizada
    Ler mais...
  • Falta de verbas condiciona manutenção do museu de Etnografia do Lobito

    O actual Museu de Etnografia do Lobito, em Benguela, está com inúmeras dificuldades em termos de organização e estrutura, porque nunca beneficiou de investimentos para manutenção das estruturas e conservação de peças e pesquisas, desde que foi reaberto em 1978, informou, hoje o director, Cipriano de Sousa
    Ler mais...
  • Testemunhas abonam em favor do ex-ministro Augusto Tomás

    As testemunhas arroladas pelos advogados de defesa do ex-ministro dos Transportes, Augusto Tomás, no "Caso CNC", em julgamento na Câmara Criminal do Tribunal Supremo, descreveram o réu, na generalidade, como um homem íntegro e profissionalmente competente
    Ler mais...
  • Nova plataforma interliga serviços de emergências

    Um sistema de comunicação que vai interligar todas as linhas de atendimento dos serviços de emergências, numa plataforma integrado de segurança pública, entra em funcionamento em Novembro
    Ler mais...

Multimédia

Porto de Luanda - 70 Anos

70 Anos do Porto de Luanda
VII Congresso da APLOP

RÁDIOS
Porto de Luanda recebe o maior navio de sempre na sua história
Porto de Luanda ganha novos equipamentos
Welcome to Angola
MARÉS
saber mais
LONGITUDE: 8º 45 S
LATITUDE: 13º 14 E


Publicidade
Todos os direitos reservados © 2015 Porto de Luanda
Plataforma de Gestão de Conteúdos Astrolábio

Porto de Luanda E.P
Largo 4 de Fevereiro
CX Postal 1224-C1-Angolaredes sociais